O Grupo Segura está com você
Com mais de 20 anos de atuação, o Grupo Segura, bem como asseio e conservação, e terceirização de serviços administrativos.


Blumenau

SEGURANÇA PRIVADA
Rua João Pessoa, 3.152
CEP 89036-004
47 3035 8009

SERVIÇOS
Rua Dr. Antônio Haffner, 389<br/>
CEP 89036-640<br/>
47 3035 4000

365 dias por ano

Atendimento 24 horas por dia

47 3035 8000

contato@gruposegura.com.br

Topo
 
Grupo Segura > Grupo Segura  > Toque da prevenção, o compromisso do Grupo Segura no Outubro Rosa! 
Outubro Rosa

Toque da prevenção, o compromisso do Grupo Segura no Outubro Rosa! 

“Outubro Rosa” é o mês de conscientização ao combate contra o câncer de mama e colo do útero. Por aqui, nós sempre falamos sobre segurança, e não poderíamos deixar de abordar este tema tão importante, relacionado à saúde feminina

A campanha Outubro Rosa nasceu com o objetivo de alertar e incentivar a sociedade sobre a prevenção e diagnóstico do câncer de mama e também do colo de útero.

Esta ação ocorre no mundo todo, mobilizando a população através da promoção de ações e eventos. Com o propósito de levar informação e desmitificar o medo da doença, incentiva o autoexame e a realização periódica da mamografia.

Dados do INCAInstituto Nacional de Câncer apontam que o número de mortes causadas por câncer de mama em 2018 no Brasil foi de 17.763, sendo 17.572 mulheres e 189 homens. E a estimativa para 2020 são mais de 66 mil novos casos da doença.

Números ainda de 2018 apontam que o Brasil está no ranking de países com as maiores taxas de incidência deste tipo de câncer. Já no que diz respeito à mortalidade, nos posicionamos bem. Estamos entre os países com menos mortes causadas pela doença, à frente de países desenvolvidos como França e o Reino Unido, por exemplo.

Dentre os tipos de câncer, o de mama é o que mais atinge mulheres no Brasil.

Existem diversos tipos de câncer de mama, e a doença pode evoluir de maneiras diferentes. Há casos que evoluem rapidamente, e outros em que o tumor se desenvolve de forma mais lenta.

Por isso, é extremamente importante que a população esteja conscientizada sobre a doença. Principalmente as mulheres, pois apenas 1% dos casos de câncer de mama são de homens.

Quanto antes for detectado, mais cedo será possível iniciar o tratamento do câncer. Ou seja, maiores serão as chances de cura.

Diante destas informações, podemos perceber que a campanha Outubro Rosa não existe em vão.

O surgimento do Outubro Rosado

A campanha do Outubro Rosa teve início no ano de 1990 nos Estados Unidos, e foi uma iniciativa da Fundação Susan G. Komen – maior organização de câncer de mama do mundo. Seu propósito é de compartilhar informações e promover a conscientização sobre a doença.

A Fundação atua no financiamento de pesquisas, para programas de educação, tratamento, triagem e apoio psicossocial para pessoas em todo o mundo.

Como forma de divulgação, foi criada a Corrida pela Cura, em Nova Iorque. Para representar o movimento, laços cor-de-rosa foram distribuídos aos participantes da corrida. Daí a origem do símbolo da campanha.

Com o passar dos anos, grandes marcas e instituições adotaram o Outubro Rosa. Arrecadam fundos para as organizações e estimulando ainda mais a disseminação do movimento.

Aqui no Brasil, a campanha do Outubro Rosa teve início em 2002. A iniciativa partiu de um grupo de mulheres e uma marca de cosméticos europeia. A ação envolveu a ornamentação do Obelisco, do Parque Ibirapuera em São Paulo, com luzes cor-de-rosa.

A iluminação cor-de-rosa também se tornou um símbolo da campanha. Hoje é reproduzido no mundo inteiro, em grandes monumentos, por exemplo, Cristo Redentor, Torre Eiffel na França, Torre de Pisa na Itália, Ópera de Sydney na Austrália, e diversos outros.

A partir de 2010 o Instituto Nacional de Câncer (INCA) aderiu à campanha do Outubro Rosa. Promovendo debates, eventos, apresentações e outros recursos educativos, por exemplo. Tudo isso para disseminar informações sobre a proteção e detecção precoce do câncer de mama.

Rede Feminina de Combate ao Câncer de Blumenau

A RFCC BlumenauRede Feminina de Combate ao Câncer existe há mais de 40 anos. Atua, sem fins lucrativos, no objetivo de diagnosticar precocemente o câncer de mama, apoiar pacientes mastectomizadas e prevenir o câncer de colo de útero.

O órgão possui representação junto ao Conselho Municipal da Saúde e Comitê de Humanização do Vale do Itajaí. Participa de reuniões ordinárias e extraordinárias deste Conselho.

Os serviços são disponibilizados gratuitamente à comunidade e todo o trabalho da instituição é desenvolvido por meio de voluntárias. Hoje, a RFCC Blumenau soma mais de 260 mil atendimentos e 87 mil pacientes cadastrados na rede. Dentre os serviços prestados, estão:

  • Ambulatório: para exames preventivos (de colo uterino e mamografia);
  • Apoio moral: realizado em visitas a pacientes internadas nos hospitais da cidade. E também aos que estão em tratamento quimioterápico e radioterápico;
  • Apoio e Orientação à Mastectomizada: suporte emocional e troca de experiências entre as próprias pacientes. Com o apoio de fisioterapeutas, é promovido também o tratamento e prevenção para possíveis sequelas da mastectomia. Contando com o suporte de outros profissionais como psicólogos, assistentes sociais e nutricionistas;
  • Educacional: palestras ministradas pelas voluntárias e distribuição de materiais explicativos. Além da participação em programas de grandes empresas, como por exemplo, o SIPAT – Semana Interna de Prevenção de Acidentes de Trabalho.

Prevenção é a melhor forma de segurança

Ficar atenta aos sinais do próprio corpo! Ou seja, seguir as dicas médicas para prevenção do câncer de mama é de suma importância. A prevenção é o caminho mais simples e indicado!

Segundo o INCA, 30% dos casos de câncer de mama podem ser evitados com a adoção de hábitos saudáveis como:

  • Praticar atividade física;
  • Alimentar-se de forma saudável;
  • Manter o peso corporal adequado;
  • Evitar o consumo de bebidas alcoólicas;
  • Amamentar;
  • Evitar uso de hormônios sintéticos, como anticoncepcionais e terapias de reposição hormonal.

Porém, a doença não tem somente uma causa específica. Fatores como idade e genética podem influenciar significativamente.

A grande maioria dos casos ocorre após os 50 anos. O Ministério da Saúde recomenda que a mamografia seja realizada por mulheres entre 50 e 69 anos, a cada dois anos.

Ações do Grupo Segura para o Outubro Rosa

Todos os anos, o Grupo Segura apoia o movimento Outubro Rosa. Assim, de forma a assumir o compromisso com causas sensíveis à população, envolve seus colaboradores através de campanhas internas de conscientização.

Nesse sentido, algo que já é tradição na empresa é o fato de que todos os funcionários usam um laço rosa durante todo o mês. De certo modo, é um lembrete constante para a importância do tema.

Sem comentários

Desculpe, mas o formulário de comentários está desativado.