O Grupo Segura está com você
Com mais de 20 anos de atuação, o Grupo Segura, bem como asseio e conservação, e terceirização de serviços administrativos.


Blumenau

SEGURANÇA PRIVADA
Rua João Pessoa, 3.152
CEP 89036-004
47 3035 8009

SERVIÇOS
Rua Dr. Antônio Haffner, 389<br/>
CEP 89036-640<br/>
47 3035 4000

365 dias por ano

Atendimento 24 horas por dia

47 3035 8000

contato@gruposegura.com.br

Topo
 
Grupo Segura > Segurança para Condomínios  > Comunicado para não deixar o portão aberto e outras medidas de segurança no condomínio
Comunicado para não deixar o portão aberto

Comunicado para não deixar o portão aberto e outras medidas de segurança no condomínio

Cabe ao síndico de um condomínio zelar pela proteção do interesse comum. Sendo assim, ele precisa encontrar formas de fazer com que todos cumpram as normas de segurança, e isso inclui manter o portão fechado.

Todo condomínio sempre tem aquele morador que insiste em não seguir as regras. Você até já deixou um comunicado para não deixar o portão aberto, mas não adianta. Ele continua sendo negligente.

Atitudes como esta colocam em risco a segurança de todos os moradores. Nada justifica este tipo de comportamento, que pode ser classificado, sem medo de exagerar, como irresponsável. Mas é claro que você não deve agira com rispidez.

Segundo especialistas, 95% das ocorrências de invasões com furtos e roubos nos condomínios verticais acontecem por portões abertos. 

Como resolver? Bem, como a responsabilidade pela segurança de todos recai sobre o síndico, algumas medidas serão necessárias, antes de chegar ao ponto de entrar com um processo administrativo, por exemplo.

A primeira delas é registrar o aviso através de um comunicado para não deixar o portão aberto, simples como este:

Prezados (as) Senhores (as):

 COMUNICADO PARA NÃO DEIXAR O PORTÃO ABERTO

Informamos que o portão de acesso de veículos e o portão de acesso de pedestres devem permanecer fechados, sendo abertos somente pelo tempo suficiente para a entrada ou saída. 

Contamos com a compreensão e colaboração de todos, pois esta é uma importante medida de segurança que visa evitar furtos e roubos. Lembre-se: em caso de invasão, o apartamento escolhido pode ser o seu.

Mas comunicados ou mesmo advertências individuais, em geral, não surtem muito efeito com este tipo de condômino. Se você já tentou estas medidas sem sucesso, é hora de partir para o plano B.

Como agir com o condômino que deixa o portão aberto

Reforçamos novamente: as consequências da negligência do morador são de responsabilidade do síndico. E fazer um comunicado para não deixar o portão aberto ajuda, mas não te resguarda. Portanto você deve:

  • Aplicar as multas previstas quantas vezes for necessário até que o problema seja resolvido.
  • Outra medida efetiva seria emitir uma notificação extrajudicial atribuindo ao condômino negligente a corresponsabilidade por eventuais danos ao condomínio ou aos outros condôminos.
  • Não surtindo efeito, caberia um processo judicial, pois o fato enseja todos os argumentos necessários para tal providência. Ele pode, por exemplo, ser enquadrado como antissocial.

Paralelamente à solução do problema específico com o morador que não colabora, continue conscientizando os outros moradores da importância de manter os portões fechados.

O portão de condomínio é o seu item de segurança mais importante. Por isso é importante fazer o controle rigoroso de acessos, evitando a entrada de pessoas indevidas.

Mas também não se pode esquecer que o portão tem que ter qualidade, durabilidade e estar com a manutenção em dia.

Portões mais adequados para a segurança do condomínio

A escolha do portão ideal para o seu condomínio depende da quantidade de moradores e do número de vezes que ele será acionado diariamente.

Independentemente do tipo escolhido, contrate uma empresa especializada para fazer a manutenção mensal e providenciar o conserto imediato sempre que necessário.

Basculante

É o tradicional portão de garagem, que abre por cima através de polias. Sua maior vantagem é ocupar pouco espaço, e por isso é um dos preferidos dos condomínios verticais.

Por ser suspenso pela parte superior, é importante que o motor seja compatível com o peso do portão para que ele não trave.

Deslizante

O modelo mais utilizado em condomínios horizontais, mistos e também em muitos verticais. A abertura é lateral, de fora a fora.

É a opção que costuma apresentar menos problemas, apesar de se4r o de menor custo. Porém, também é um dos menos seguros (recomenda-se sua instalação onde há porteiro).

Pivotante

Um eixo sustentado por pivôs que fazem o portão girar. Parece complicado, mas é o portão mais clássico, “de abrir pra fora”.

É o mais barato, mas que exige mais manutenção devido ao grande desgaste. Indicado apenas para portões de entrada de pedestres, com trava eletrônica ou mecânica e abertura manual.

Tipos de acionamento de portões

As formas de acionamento dos portões de condomínios são tão importantes quanto os tipos de portões. Confira as mais utilizadas:

Controle remoto

É um dos preferidos dos moradores, mas quando há perda ou roubo, pode gerar um certo transtorno.  Em alguns casos não é possível fazer o cancelamento individual, mas o dos controles de todos os moradores.

De qualquer forma, deixe claro que você deve ser informado sempre que houver extravio do aparelho.

Radiofrequência

É o mais utilizado. O porteiro ou o próprio morador aciona a abertura do portão a distância por meio de tags.

Biometria

Forma de acionamento que tem ganhado muito espaço devido ao avanço da tecnologia envolvida.

A identificação à prova de erro é feita por características como impressão digital, voz ou até mesmo pela retina.

Senha

A digitação de senha é uma tecnologia antiga, mas ainda tem bastante aceitação pelo baixo custo.

Além disso, ela oferece uma oportunidade para o porteiro identificar visualmente o morador ou visitante, que precisa se expor para digitar a senha.

Outros cuidados de segurança em caso de portão aberto

  • Informe os moradores que nunca devem deixar as chaves de seu apartamento com vizinhos ou funcionários, nem mesmo com o porteiro.
  • Disponibilize bicicletários e oriente os moradores a identificá-las com etiquetas e utilizarem cadeados.
  • Automóveis devem ter seus alarmes acionados mesmo dentro da garagem ou estacionamento do condomínio.
  • Solicite aos moradores a identificação e o endereço de todos os prestadores de serviço domésticos e repasse à portaria.

Você não precisa mais de comunicado para não deixar o portão aberto

Uma solução definitiva para o problema do portão aberto é a Portaria Remota. Ela se aplica na proteção e no controle de entradas e saídas, integrando sistemas de Segurança, Telecomunicações e Automação.

A presença destes recursos no local permite o controle e o monitoramento do local 24 horas por dia, 7 dias da semana.

Todo visitante, morador, prestador de serviço ou funcionário tem sua presença monitorada a partir de uma Central de Controle e Monitoramento.

A liberação do acesso acontece de forma simples e segura, por meio da identificação da pessoa.

Tudo é gerenciado a distância, por meio de câmeras e imagens em alta resolução.

Profissionais qualificados e especializados em monitoramento supervisionam a movimentação dos locais em que as câmeras estão instaladas.

E o mais importante: nunca deixarão que o portão fique aberto. Saiba mais.

 

Tudo o que você precisa saber para tornar seu condomínio mais seguro