O Grupo Segura está com você
Com mais de 20 anos de atuação, o Grupo Segura, bem como asseio e conservação, e terceirização de serviços administrativos.


Blumenau

SEGURANÇA PRIVADA
Rua João Pessoa, 3.152
CEP 89036-004
47 3035 8009

SERVIÇOS
Rua Dr. Antônio Haffner, 389<br/>
CEP 89036-640<br/>
47 3035 4000

365 dias por ano

Atendimento 24 horas por dia

47 3035 8000

contato@gruposegura.com.br

Topo
 
Grupo Segura > Segurança para Condomínios  > 5 erros que podem comprometer a segurança do seu condomínio durante as férias
5 erros que podem comprometer a segurança do seu condomínio durante as férias

5 erros que podem comprometer a segurança do seu condomínio durante as férias

Qualquer descuido é visto como uma oportunidade para os criminosos. Descubra 5 erros que podem comprometer a segurança do seu lar e fazer de você a vítima da vez.

Não podemos negar que as estratégias dos criminosos estão mais organizadas a cada dia. Qualquer sinal de falha se torna uma oportunidade para que eles ajam fazendo novas vítimas.

Com isso, assaltos, arrombamentos e furtos acontecem a todo momento. Então, como podemos nos precaver e aumentar a segurança do local onde moramos?

Adotar medidas preventivas e ações integradas é um recurso bastante indicado. Porém, devem ser precedidas de uma análise de risco minuciosa.

Errar na medida, superdimensionando ou contratando um número insuficiente de equipamentos é muito fácil quando se desconhece as vulnerabilidades existentes.

Além disso, é preciso certificar que os procedimentos e as normas criadas se tornem um hábito entre os moradores.

O que mais vemos em nossos atendimentos são registros de ocorrências em locais aparentemente bem protegidos.

Muitas pessoas, por acreditarem que a criminalidade está apenas nas ruas, cometem falhas graves que podem comprometer a segurança do prédio onde moram.

Erros humanos são mais comuns do que você imagina. Muitos deles passam inclusive despercebidos aos olhares de cidadãos comuns, mas, saiba que eles jamais são desconsiderados por uma mente criminosa. Aprenda a identificá-los no seu condomínio.

As principais falhas que podem comprometer a segurança do seu condomínio:

Muitas pessoas escolhem morar em apartamento por acreditarem que estão em segurança nestes locais. Entretanto, cansamos de atender ocorrências em condomínios residenciais.

Dezenas deles possuem guaritas ( inclusive blindadas), equipamentos de segurança eletrônica, normas e procedimentos estabelecidos. E ainda assim, não são suficientes para conter ações criminosas.

Você deve estar se perguntando, como isso é possível?

E a resposta é simples: as ocorrências são facilitadas por falhas humanas. De nada adianta um condomínio ter processos de segurança e equipamentos bem alocados se as pessoas não colaboram ou não tomam medidas cautelares para evitar uma ocorrência.

Conheça alguns dos problemas mais comuns que enfrentamos:

Controles de acesso ineficazes

Não há quem não tenha presenciado a cena de um morador, que ao entrar no prédio, coloca para dentro do edifício uma pessoa desconhecida, sem exigir que ela passe por uma triagem.

Na intenção de ser cordial o morador desavisado pode estar facilitando uma ação mal intencionada e a insegurança da coletividade. Portanto, os controles de acesso devem ser respeitados. Mais ainda no período de férias onde o fluxo de pessoas é maior.

25 falhas comuns para comprovar que você não está seguro

Descumprimento de normas e procedimentos

Assim como a ação humana pode burlar a ação de controles de acesso eletrônicos, também pode permitir que crimes aconteçam pelo descumprimento de normas e procedimentos.

Isso acontece aos montes. Não é raro encontrarmos porteiros fora da guarita, moradores que liberam a entrada para prestadores de serviço e visitantes, portas de apartamentos destrancadas, uso indevido das entradas de acesso, motoristas que entram de carro pela garagem e não esperam o portão fechar, etc. Todos são comportamentos que não devem ser tolerados, mais ainda, no período das férias.

Equipamentos instalados sem análise de risco

Muitas pessoas acham que sabem muito sobre segurança, quando na verdade, não entendem nada. Esse problema é muito comum na instalação de equipamentos de segurança.

Cansamos de ver prédios com sistemas de CFTV instalados, porém, alocados de forma errada. E isso é uma grande falha. Afinal, este recurso tão importante, quando não está instalado em locais estratégicos perde sua eficácia.

Por isso, não se engane. Para que qualquer sistema de segurança eletrônica funcione corretamente o projeto deve ser feito por uma empresa idônea. Os profissionais precisam ter embasamento técnico e experiência no assunto para que o plano atenda todas as demandas.

Falta de registros eletrônicos de entradas e saídas

Contar apenas com a conscientização e a boa vontade dos moradores não é viável para garantir a segurança da coletividade. A solução está na instalação de equipamentos eletrônicos para controlar o fluxo de entrada e saída das pessoas.

A portaria eletrônica e os controles de acesso biométricos são equipamentos recomendados. Eles controlam o tráfego e ofertam mais agilidade nas respostas a uma ocorrência.

Equipamentos de segurança sem manutenção

Saber que o prédio tem sistemas eletrônicos de segurança, como câmeras e alarmes, pode criar uma falsa sensação de segurança nos moradores.

Para não correr riscos é preciso certificar que eles estejam instalados em locais estratégicos, mas também, que funcionem corretamente.

Fazer a manutenção preventiva e a corretiva é fundamental para averiguar se os equipamentos não apresentam problemas.

Afinal, esperar o registro de uma ocorrência, para depois disso, perceber que os equipamentos que se têm estão inoperantes não é a coisa mais sensata a se fazer.

Agora que você concluiu sua leitura, já sabe o que fazer para não comprometer a segurança do seu condomínio nestas férias. Fique atento a qualquer descuido.

Entender que a atitude individual tem grande peso na segurança do coletivo é muito valioso. Compartilhe esta ideia!