O Grupo Segura está com você
Com mais de 20 anos de atuação, o Grupo Segura, bem como asseio e conservação, e terceirização de serviços administrativos.


Blumenau

SEGURANÇA PRIVADA
Rua João Pessoa, 3.152
CEP 89036-004
47 3035 8009

SERVIÇOS
Rua Dr. Antônio Haffner, 389<br/>
CEP 89036-640<br/>
47 3035 4000

365 dias por ano

Atendimento 24 horas por dia

47 3035 8000

contato@gruposegura.com.br

Topo
 
Grupo Segura > Segurança para Empresas  > Câmeras de segurança e iluminação: os perigos de uma escolha mal feita
Câmeras de segurança e iluminação: os perigos de uma escolha mal feita

Câmeras de segurança e iluminação: os perigos de uma escolha mal feita

Câmeras de segurança e iluminação são equipamentos bastante utilizados. Porém, requerem cuidados em ambientes onde a quantidade de luz oscila do dia para a noite. Entenda!

Segurança não é algo que se compra em balcão, nem tampouco, para ser gerenciada com soluções caseiras.

Ou seja, de nada adianta o investimento em alta tecnologia se, na prática, ele não funcionar. Muitas pessoas compram e instalam câmeras de segurança por conta própria, mas, não se dão conta de que alguns fatores, como a iluminação do ambiente, podem impactar consideravelmente na qualidade das imagens e na eficiência dos equipamentos.

O post de hoje foi pensado justamente para esclarecer estas questões. A ideia com ele é orientar as pessoas sobre os perigos de uma escolha mal feita e, principalmente, como ela afeta na segurança dos ambientes.

Vamos explicar como fazer escolhas mais assertivas e quais as soluções que podem – e devem – ser adotadas pelas pessoas que desejam instalar esses equipamentos em casa ou na empresa.

Vamos lá?

Os cuidados na escolha das câmeras de segurança

Com o aumento da violência, mais e mais pessoas buscam soluções para aumentar a segurança. Entre as várias possibilidades, as câmeras de segurança costumam ser as preferidas.

Porém, se não tomados os devidos cuidados no planejamento dessa instalação, as câmeras podem ser mais inseguras do que muita gente imagina.

A análise dos riscos do ambiente é a base de tudo. É preciso traçar um plano que leve em consideração não apenas a tecnologia dos equipamentos. Mas, principalmente, as orientações que irão determinar o que é necessário para o ambiente em questão, onde devem ser instaladas, os custos e as etapas da implantação.

Localização e posicionamento dos equipamentos

Como você pode ver, a infraestrutura e o dimensionamento correto dos equipamentos são tão relevantes quanto as tecnologias utilizadas. Portanto, para fazer a escolha certa, tudo vai depender do local e das variáveis encontradas.

De forma geral, as câmeras de segurança devem ser instaladas em locais críticos e, serem integradas com outros sistemas de segurança. Contudo, cada ambiente requer cuidados peculiares.

Ambientes externos

Caso a instalação seja feita em ambientes externos, é preciso ter muito cuidado com a incidência da luz solar e outras intempéries da natureza.

Se você não estiver operando com equipamentos especializados, o sol e a chuva podem interferir na qualidade das imagens e na durabilidade do equipamento. Por isso, a orientação de especialistas é sempre indicada. O barato de comprar kits pela internet pode sair muito caro no final.

A recomendação é sempre investir em uma boa assessoria e em equipamentos de qualidade.

Existem modelos de câmeras, feitos para trabalhar nas piores condições de ambientes. Isso vale para altas e baixas temperaturas, e também, para locais onde o risco de explosões é permanente. Assim como, existem modelos à prova d’água, com detectores de movimento e outros recursos.

Ambientes internos

No caso das áreas internas, a escolha da tecnologia dos equipamentos é um pouco mais simples. A grande questão é o posicionamento.

A distância entre as lentes e a área de monitoramento não pode ser muito ampla. Deve-se tomar cuidado em locais onde há exposição direta da luz solar e outras fontes luminosas. Equipamentos não especializados podem criar pontos escuros que interferem na qualidade das imagens. Câmeras com tecnologia HLC ou BLC corrigem estas interferências e são muito recomendadas.

Os desafios em ambientes onde a iluminação oscila

Em ambientes, tanto internos como externos, podemos nos deparar com situações onde a incidência de luz varia do dia para a noite. E é aí que mora o perigo.

As câmeras que filmam preto e branco são mais sensíveis que as coloridas. Por isso, podem funcionar melhor em ambientes com pouca iluminação, porém, possuem definição mais limitada se comparadas as coloridas.

Muita gente acredita que, em ambientes pouco iluminados ou à noite, nenhuma câmera filma colorido. Isso é um mito que a tecnologia já derrubou. Câmeras com tecnologia low-light filmam colorido à noite.

Como você pode ver, cada equipamento tem características peculiares. Se você não sabe o que está buscando ou não tem experiência no assunto, errar na escolha das câmeras de segurança é muito fácil. A boa notícia é que existem soluções que podem superar esses desafios.

Outras soluções para aumentar a segurança

Antes de prosseguir, aqui vale uma observação importante:

É certo que você deve dar preferência para equipamentos com qualidade de resolução superiores. Ainda assim, lembre-se que eles devem estar amparados por um serviço eficaz de monitoramento. Afinal, de nada adianta você registrar boas imagens, se ninguém estiver observando para impedir que uma ocorrência chegue às vias de fato.

Agora, voltando nosso assunto sobre equipamentos. Outra opção para enfrentar a variação de luz, é instalar câmeras de segurança comuns junto de sensores de presença. Assim, logo que alguém se aproximar, as luzes se acenderão.

Outra opção são as câmeras day/night. Elas geram imagens coloridas durante o dia e à noite geram uma imagem preto e branco superior as das câmeras coloridas comuns.

Para ambientes com pouca luz, as câmeras com infravermelho são as mais procuradas. Porém, é preciso ter cuidado. Algumas delas, na incidência da luz a imagem pode sair borrada. Câmeras com tecnologia HLC corrigem esse problema na imagem.

Enfim, são muitas as variáveis a serem analisadas e, por isso, nada melhor que contar com especialistas para orientar estas escolhas. Certifique que você tem ao seu lado bons parceiros para evitar dores de cabeça e garantir que a sua segurança seja efetiva.

Gostou desse post sobre câmeras de segurança e iluminação? Se quiser se aprofundar no assunto leia outros artigos relacionados no blog do Grupo Segura. Até lá!